Venica

30 de set de 2015

Para copiar e usar hoje!


Fiat Elba

Quando acaba o expediente da Câmara, os nobres deputados saem em carrões poderosos, importados, geralmente pretos e com motoristas. Tudo, queridos, pago com o seu, o meu, o nosso dinheirinho.

E no meio de tanto luxo, esplendor e riqueza, uma senhora de 80 anos pega seu Fiat Elba, ano 90, e sai ela própria dirigindo.


É Luiza Erundina, deputada pelo PSB. 





Fim de uma era?



Ralph Lauren, o expoente máximo da moda americana e do American Chic Way of Life, anunciou que deixa a presidência da sua marca em novembro deste ano.
Aos 75 anos, Lauren não vai se aposentar, mas pretende se afastar do dia-a-dia burocrático e administrativo do seu império, dedicando-se apenas a criação e ao estilo da marca.
Fim de uma era? Ninguém sabe. Mas o que se comenta é que a Ralph Lauren Inc. é uma das mais sólidas e estáveis grifes do mundo da moda. Com negócios espalhados ao redor do planeta e produtos que vão de café à jóias, RL é um grande negócio e anda sozinho. 
Mas, por outro lado, Ralph Lauren é a cara da marca desde a sua criação. É impossível desassociar o produto da pessoa. E nesse ponto, Mr Lauren vai sim, fazer muita falta.





Milão 2015


Semana de Moda de Milão!



Promoção especial










Não? Então o blog e a Clínica Marília Machado vão te ajudar!
Para comemorar o seu primeiro ano, a Clínica Marília Machado Dermatologia Avançada, preparou um pacote especial de Botox ( dias 13/10 à 17/10)  e Preenchimento ( 19/10 à 24/10) para as leitoras do blog.
Descontos e condições de pagamento especiais para quem ligar e falar que é leitora deste blog. 
Não é simplesmente maravilhoso????  

Clínica Marília Machado/ Ed. BH Enterprise Center 
Av. Afonso Pena, 2522 sala 1502 - Funcionários - Belo Horizonte - MG 
CEP: 30.130-007 l Telefone: (31) 3261 0945






Para as próximas gerações

Floreira de porcelana com pintura feita à mão com tinta à base de ouro.
Um luxo!
Para guardar e passar para as próximas gerações!
Para comprar a sua, corra para o Kika Gontijo VendasClique aqui para entrar.







Tijolinho

O livro é um ´´tijolo´´. São quase 800 páginas!!!!!
Mas Elizabeth I, O anoitecer de um Reinado é simplesmente delicioso!
Contado na primeira pessoa, o livro narra os últimos anos da Rainha Virgem, uma das mulheres mais importantes de todos  os tempos, que com sua determinação e coragem, governou a Inglaterra por 45 anos. A história começa no ano de 1588 quando a temível Armada espanhola ameaça invadir a Inglaterra. Os conflitos da soberana, os romances da corte, as intrigas, a lealdade de seus súditos, o amor platônico pelo Conde de Leicester, o relacionamento conturbado com a Lettice. Personalidades da época também estão presentes, como Willian Sheakespeare e Francis Bacon.
Elizabeth mostra todas as suas facetas, inclusive seu senso de humor e a ironia.
O livro é grandioso, bem escrito e de leitura fácil. 
Um ´´tijolinho´´ maravilhoso!






Valentino!


Demais!


O encerramento do DMais, evento que reuniu o melhor da decoração e do design em Belo Horizonte, foi realmente demais!  Guta Zurquim recebeu os decoradores em sua Quality para uma exposição dos ceramistas Nícia Braga e Roberto Lott. 
FoodTrucks, comidinhas gostosas, bebidinhas geladas e bom papo, num sábado de sol.















































Sorteio

´´Uma mulher precisa de voltas e voltas de pérolas!´´
Coco Chanel

E você também precisa, lalá! Então vou te ajudar a começar sua coleção de pérolas! 
O blog em parceria com a Tianelle Jóias vai sortear esse colar! O resultado sai de 05 de outubro.
Para participar basta deixar o nome e email nos comentários ou entrar no Instagram @kikagontijo e @tianelle_design , curtir a foto e marcar 3 amigas!
E cruzar os dedos!!! 


´´ Nada comunica luxo como pérolas´´.
Diana Vreeland




29 de set de 2015

Arte para todos


O bom design ao alcance de todos. Adoro isso! 
Gosto de propor para meus clientes novos artistas, trabalhos inovadores e com preços reais.
A arte é para ser apreciada, vivida. É para encantar, enfeitar, surpreender. Arte é emoção, não é simplesmente um negócio feito de números. A Espaço 670 também divide comigo esse conceito e por isso os artistas mais descolados do Brasil estão no seu acervo.



Para copiar e usar amanhã!


Revestir


Esqueçam as paredes brancas, ufa!!!!


Papeis de parede e tecidos cheios de personalidade vão cobrir de luxo as paredes da sua casa!
Eu adoro!!!!!



















Imagens: Vogue

Nem laranja, nem marrom.


Dourada, mas saudável, sem aquela cor marrom ou laranja. É assim a cara do verão. E para ficar assim, não adianta passar horas largateando ao  sol. Além de acabar com a pele, a super exposição tira a cor dourada e deixa o terrível ´´amarronzado´´.












Uma boa solução são os auto-bronzeadores. Eles podem vir em forma de pó, que dão um ar mais natural, ou em creme, que bronzeia como se lalá tivesse acabado de voltar da Bahia!
Eu prefiro o pó. É mais leve e menos forçado.  












Alguns cuidados se você optar pelos auto-bronzeadores: passe em todo o rosto! Já pensou se esquece a bochecha, por exemplo????  Teste o produto primeiro na parte interna do braço. Auto bronzeadores são propícios a causar alergias. E ... use o bom senso.  Quando se trata de bronzeado até os bons erram, como Valentino que insiste em ficar laranja!












Kelly

Kelly Rutheford, a inesquecível Lilly Bart, linda em LA.





Pague 1 e leve 5


Lowe  com seu modelo puzzle bag, prometem dar à mulher 5 opções de bolsas numa só.
Uma espécie de pague 1 e leve 5. Só que esse 1 à pagar é bem carinho!
 Pessoalmente não gostei. Mas ... como estou parecendo uma blogueira de moda (do polêmico post abaixo), vou postá-la assim mesmo! 































Anna ou ThássiaS?


Em uma das mais icônicas cenas do filme O Diabo Veste Prada, a mulher mais poderosa do mundo da moda, Miranda Priestly, dá uma lição em sua secretária sobre o azul cerúleo e o poder das roupas.  E é verdade. O fashion business movimenta bilhões e azeita uma engrenagem que vai deste agência de viagens, até filmes e fábricas gigantescas. É também verdade que esse mesmo mundo tem seu lado escuro como o trabalho escravo, o submundo das modelos e a falsificação. O que é inegável entretanto é que a moda é parte importante das nossas vidas e pensa pequeno quem acha o contrário.
E é também bobagem achar que a moda é fútil. Não é. Fútil são as pessoas que muitas vezes não sabem o fazer com a moda. Ao invés de usá-la a seu favor, fazem com que a moda seja irreal, desnecessária e feia. A moda conta a história da evolução humana, das transformações da nossa sociedade. 

Junto ao poder da moda, está também o fenômeno das blogueiras, que ditam moda, tendência e estilo, jogando para escanteio (infelizmente), as boas revistas. Há alguns anos a Vogue, Marie Claire e Bazaar eram as ´´donas´´ da moda. O que elas falavam, a gente usava (e comprava). Fim de uma era. A rapidez da informação fez com que as revistas, que saem semanalmente, ficassem ultrapassadas. A moda precisava ser consumida já. Deste vácuo, nasceram as chamadas blogueiras de moda. 
Hoje, as blogueiras são quem mandam e desmandam. Claro que me refiro as blogueiras realmente poderosas, já que o mundo virtual está infestado de blogs de looks, rasos e passageiros. Enfim, Thássia Naves e Lalá Rudge são as Vogue e as Elle do século XXI, para um determinado público. Eu, pessoalmente, tenho grande admiração de ver onde elas chegaram, mas não me servem jamais de referência. Nem de moda, nem de comportamento. Não gosto de looks montados, nem do ´´grito da moda´´ (essas fotos minha leitora amada de Brasília foi quem me enviou!).  Vou confessar que Helena Bordon é a única que as vezes eu ´´sigo´´, e olhe lá. Ela é engraçada, ri de si mesma e jamais faz aquela pose de ´´look do dia´´, olhando para os pés, além de ter  um ´´quê´´ de rebeldia. 




De uns tempos para cá, não sei porque,  essas blogueiras estão passando um pouco da linha que separa o bom gosto da moda rápida, que transforma o estilo em mal gosto.


Tudo bem que elas tenham que ´´vender´´ o produto e mostrar o novo. Mas é preciso ter cuidado e bom senso. Num mundo onde a ode ao consumo está em baixa é espantoso ver a falta de elegância dessas meninas super poderosas. Elas são incapazes de usar uma camisa branca comprada há dez anos e misturá-la com uma calça moderninha. Ou usar um vestido  clássico do armário da mãe junto com um Louboutin. Ou repetir a bolsa. Ou usar uma camiseta branca de 25 reais. Ou de mostrar que a moda é para nos servir e não o contrário. A moda é para nos deixar linda e não o contrário.
Ou Thássia Naves bateu a cabeça ou eu não entendo nada de moda, mas me falem com sinceridade se ela está linda nesses looks aí de baixo. 














E até a bela  Lalá Rudge, exemplo de BCBG, se vestiu de periguety- esvoaçante, como bem disse minha amada leitora de Brasília! 
A impressão que tenho é que elas ganharam tantas coisas que tem que colocar tudo, e rápido. E que elas tem sempre que estar no berro da moda, imediatamente, rapidamente, implacavelmente, sem perdão. E sem gosto. E sem bom senso. E ... sem elegância. 

E enquanto isso, as meninas que são loucas por essas blogueiras-ostentação, compram o que não precisam, o que não lhes cai bem e ... o que muitas vezes, não podem pagar.  
E temos closets abarrotados de griffes, e meninas ansiosas em terem a última it bag. E confundimos elegância com exagero, bom gosto com dinheiro, beleza com marca. 













































Não sei se Miranda Priestly iria gosta deste post. Só sei que Anna Wintour, a real Miranda, não sucumbe à moda. Talvez porque ela saiba exatamente o que a moda significa.  Anna  usa o que ela gosta, repete sempre suas roupas, usa o mesmo óculos escuros há séculos, nunca trocou os móveis do seu escritório garimpados em antiquários, não troca seus colares de pedras por nada e é absolutamente fiel a seus costureiros favoritos, mesmo tendo que agradar a todos os outros.
Dentre todas as blogueiras tão lindas, jovens e poderosas, ainda fico com a boa e velha Anna.






Imagens: Miranda: divulgação; blogueiras: Instagram e divulgação

Amal


Amal Clooney, simples e chique. E o inseparável batom vermelho.
Ando adorando os looks desta moça!




Tô contigo, Moro!













O desmembramento da Operação Lava- Jato é visto por muitos juristas e advogados como uma forma de esvaziá-la. Se você também não quer que tudo isso acabe em pizza, assine o abaixo-assinado pedindo o não desmembramento. É simples, basta clicar aqui e você já está contribuindo para que essa vergonha nacional não acabe como tantas outras apurações.
E se você não quiser participar, não tem problema! Mas não fica depois resmungando que o país é isso, é aquilo, que o seu sonho é mudar para Miami!





28 de set de 2015

Os quinze anos de Júlia Wanderley Rennó


Júlia Wanderley Rennó comemorou seus 15 anos com uma festa deslumbrante e emocionante.












Festa para 600 pessoas, organizada pessoalmente e com todo carinho pela mãe, Clô Wanderley.
Clôzinha é caprichosa, cuidadosa e dona de muito bom gosto. Uma BCBG de primeira. Ela sabe das coisas e a festa só podia ser o deslumbre que foi.

  
Cerimonial da Happy Eventos (leia-se Duda Mourão), decoração de Mônica Lippiani, mobiliário da Commemorare, buffet Rullus, pão de mel da AM Chocolates, japonês do Key. Ou seja, tudo perfeito.













Júlia é uma graça! Linda, divertida, alegre, cheia de vida. Estava um princesa. Vestido de Vera Wang e tiara da Talento.  









































Na hora da valsa, muita emoção (e lágrimas, claro!).
Júlia dançou com seu pai, Gustavo Rennó, com seu padastro, Henrique, com os avós, os tios, o irmão Felipe e o caçula, Lucas. Não é um privilégio?! Eu acho! Poder ter toda a sua família ao seu lado num momento desses,  não tem preço!



Os funcionários que servem a família há anos, estavam presentes! Felizes em abraçar a menina que viram crescer. 



























Todas as mulheres estavam lindas, claro! Além da aniversariante, sempre a estrela da noite, a mais bela era a mãe da ´´noiva´´, Clô, num vestido Candy Brown vermelho e brincos de tirar o fôlego, e com o mais importante: a alegria no rosto, a sensação de dever cumprido.  Isso, queridos, é o melhor acessório para uma mulher! 





Linda também estava Ana Salvador num longo de pois.  Gabriela Cohen, chiquérrima de vermelho e brincos maravilhosos. Martha Wanderley, também de vermelho.  E o colar da noite: as camélias de Wanda Guatimosim! De deixar sem ar a mais sensata das mulheres! Natália Salvador de longo estampado, muito chique. E Audrey Euler, também de longo e brincos poderosos.





























































































































 Os convidados não queriam ir embora, com razão. Quando saí, de madrugada, a festa continuava a mil!
O jantar estava di-vi-no! A bebida geladíssima e a  jeunesse se acabava na pista!







































































Não tenho filha, só filhos. Então não sei o que é preparar um festa dessas. Mas acompanhei de perto os momentos cheios de emoção de Clô e Júlia.   
A escolha da roupa, dos doces, a cor do convite, os laços, a temível lista de convidados onde cortar um nome é cortar um dedo. As flores, a escolha dos brincos, do cabelo (coque ou solto?), as coisas mais importantes e as mais simples. Os risos, as vezes as lágrimas. A ansiedade e a felicidade. Muitas emoções e principalmente muito, mas muito amor. O único sentimento que não pode faltar. E ali não faltou amor. Por isso a festa foi perfeita. 





Júlia realizou o seu sonho. E seus pais, Clô e Gustavo, realizaram os deles: de terem tido uma filha maravilhosa, e de terem podido lhe proporcionar uma noite simplesmente  inesquecível.











Fotos: Kika, Duda Mourão e SouIbopeBh