AM Chocolates

7 de fev de 2013

Luggala

Quando sua filha, Oonagh, ficou noiva, o Honorável Ernest Guiness, deu de presente ao casal,   uma bela propriedade encravada entre um lago e as montanhas de Wicklow em Dublin.
Construída em estilo gótigo, cercada de jardins deslumbrantes e com uma fabulosa vista para o lago, Oonagah chamou-a de Luggala.

O casamento não deu certo, mas Luggala permaneceu na família e era o lugar preferido de Oonagah.














Milionária pelos casamentos e herdeira da dinastia Guiness, Oonagh casou-se ainda mais duas vezes e teve 5 filhos. 
Eram os incríveis anos 60 e os irmãos Guiness pintavam e bordavam na Swinging London. E Luggala era o lugar para onde todos queriam ir. O terceiro filho de Oonagn,  Nick, era da turma de John Lennon e Paul McCartney e namorava a modelo badalada e famosinha Suki Poiter, a musa da contra-cultura. 
Os fins de semana em Luggala eram famosos e concorridos. Hóspedes ilustres _ por lá circulavam a louquinha Thalita Getty e John Paul, Mick Jagger, a maluquete Mariane Faithfull, e os garotos de Liverpool, John, Paul, Ringo e Harry _ muita bebida, arte, sex, drugs and rock and roll. Eram os Loucos Anos e a liberdade e alegria reinavam.


















E como nem tudo são flores, numa dessas noitadas, Nick e sua namorada, Suki,  voltavam de uma das festas quando seu carro bateu violentamente. Nick morreu na hora. Oonagh retirou-se da vida agitada e social e se recolheu em sua casa em Londres. Passou a se dedicar a trabalhos sociais e a arte. Morreu ainda bela em 1995 aos 85 anos.

 A música dos Beatles, A day in the life, foi dedica a Nick.


E é sobre esses dias trágicos,  loucos e felizes nos jardins de Luggala,  que trata o livro Luggala´s Day de Robert O`Byrne. Com fotos incríveis e inéditas da família, dos amigos, das festas, dos jardins e da decoração de uma das mais belas propriedades da região. 
Para comprar o seu, é só pedir para o Marcelo na Canto do Livro, o melhor livreiro da cidade!














4 comentários:

Anônimo disse...

colocando assim toda estoria fica cheia de graça e misterios, mas vivendo a situação as coisas são tão simples...esse é o dom de escritora!

JUJU disse...

Kika,

Que delicia essa leitura.
Parabens pelo blog. Você tem o dom!

Um beijo,

Jussara

RENATA SOARES disse...

Kika
entro 3 vezes por dia no seu blog so para ler suas historias! vc escreve muito bem. Melhor que qualquer revista ou livro. Parabéns pelo seu blog que eu considero o melhor de todos.
bjo para vc,
Renata

Anônimo disse...

Sem comentários. Seu blog é demais.
Fui!
Fred