Venica

31 de mai de 2013

Tudo por uma esmeralda




Bracelete Oscar Heyman







Broche Tiffany




A base no fundo da gaveta




Não sou expert em maquiagem, muito pelo contrário. Karina, minha cunhada, e Bibi Porto minha prima, sabem tudo!

E quando quero saber mais alguma coisinha, corro para a minha amiguety, Júlia Petit!

Bom, mas isso é para contar que nada como uma boa explicação para se vender um bom produto.
  Há algum tempo atrás, eu estava fora de BH, entrei numa loja do Boticário porque precisava urgente de um pó. A vendedora me indicou o pó mineral Make B. Achei a embalagem bonitinha e comprei. Logo que fui usar, detestei! Achei grosso, pigmentado e deixei no fundo da gaveta.
Semana passada, assistindo alguns vídeos de Julinha Petit, ela mostrou como usar a base em pó mineral. Touché! Aquilo não era pó, ora bolas! Era base! E das melhores que já usei!
E coincidentemente, uma maquiadora excelente também me indicou a tal base. Ou seja, tratei de tirar a minha da gaveta e já comprei mais duas (sim, sou uma pessoa exagerada...)!
Se a vendedora do Boticário tivesse me ensinado como usar, eu já teria aproveitada a muito mais tempo a minha base!






Salve Vítor!









29 de mai de 2013

Para copiar e usar hoje!

Jeans: True Religion, trench: Burberry, bolsa: Gucci, camisa: Lojas Marisa, bootie: Louboutin, pulseira: Tiffany, relógio: Cartier para Manoel Bernardes, brincos: Aparecida Jóias, sombrinha: Burberry


Blonde

Anne Hathway exibiu toda a sua loirice em Cannes.
Gostaram?




Make up

Dior Summer 2013/14





O que será de Bruna?


Os blogs de humor na internet já especulam o que será da vida da atriz Bruna Marquezine, com a contratação de seu namorado pelo Barça.

Eis algumas alternativas:
a) Bruna vai com Neymar para Espanha, leva vida de madame e se torna a nova Stephany Brito
b) Perde o brilho e cria um blog de moda (aff...)
c) Eles terminam e ela vai namorar um cantor sertanejo
d) Eles terminam e ela vai namorar um funkeiro





Chocolat au lait





























A Rainha está morta, viva o Rei!



A cúpula global respira aliviada. Existe vida, após Carminha.
O docinho Félix está roubando todas as cenas e já é o campeão de telefonemas e emails da Central de Atendimento.
Por enquanto é ele o grande astro de Amor a Vida. O grande medo dos diretores de núcleo, era de que Félix não convencesse como vilão. E que mais uma novela viveria à sombra de Tufão e sua turma. Pode ser que Viver não consiga o sucesso da turma do Divino, mas pelo menos, Carminha já passou o bastão. E em grande estilo!












Lindinha do Momento



Zoe Saldanha, linda de pois, em Cannes.







Casa Cor SP


Casa Cor SP. Para ver mais, clique aqui!








27 de mai de 2013

Fora


Daniella Healyel deixou mesmo a direção da marca Issa London, fundada por ela.

O sucesso da Issa chegou ao topo quando Kate Midleton escolheu um modelo azul royal da marca para anunciar seu noivado com o Willian.

Desde o ano passado, Daniella fez uma sociedade com a milionária Camila Al-Fayed. Alguma coisa parece que não deu certo.




Duda



Gabriela e Beto Nogueira comemoraram os 15 anos de sua filha Duda, no sábado, no Pic, com a família e os amigos.




















 A boate estava toda decorada (Patrícia Andrade) com orquídea chuva-de-ouro, a pista de dança, animadíssima, o buffet,  perfeito. 















As mulheres estavam lindas, claro. Minhas favoritas da noite, foram a mãe da aniversariante, Gabriela, num vestido Atroz dourado, chiquérrimo e Titina Lage, também de Atroz prata e preto. 

















Gabriela e Beto são um casal 20. São jovens, lindos, modernos. Na hora da valsa, ninguém segurou o choro. 


Duda estava linda e muito feliz, de tomara-que-caia branco da confecção da avó, Matilde Marques, com um laço delicado nos cabelos. Uma princesa.

A festa foi perfeita, íntima, animada, alegre, emocionante,  com os amigos queridos e a família. 

No tamanho exato do bom gosto.













Classe




Exatamente como começou, não se sabe. Pode ser a influência do sucesso da série Dowton Abbey, pode ser a nova campanha da Gucci com Charlotte de Mônaco ou o editorial da Vogue. 
O fato que o Equestrian Style, que na verdade nunca saiu de moda para quem é elegante de verdade, está com tudo.








Ralph Lauren preparou blazer acinturados de lãzinha fina, Isabel Marant, que adora um Cowboy Style, fez calças de montaria, Stella McCartney, inglesinha da gema, desenhou camisas e culotes e, claro, a Gucci fez malas, bolsas e cintos com seu bom e velho bridão dourado.
















Hermés, clássico e chique, não fez nada, porque já tem sua linha completa Equestrian.

Quem gosta do estilo flashs-brilhos-purpurinas ou para quem é discípula de Anna DelloRusso, não vai conseguir usar. Ah, mas não vai mesmo. 














Para ficar como Charlotte ou Jackie Kennedy,  é preciso esquecer a moda e usar o que é bom. 

Couro natural, bolsas clássicas, corte perfeito, lã de qualidade, camisas bem cortadas, botas de cano longo com cara de velha, brincos pequenos, lenços de seda.













Também é preciso ter uma lareira em casa, um cachorro caçador, sofás e poltronas de couro, tapetes coloridos,  e um enorme jardim gramado. Difícil, né?! Então vamos ficar só com a roupa mesmo.





















Ah, sim, e o cavalo? Bom, neste caso específico, o animal pode fazer, simplesmente, um papel coadjuvante! 

Para parecer recém saída de uma propaganda de Raph Lauren, lalá,  é preciso ter uma única coisinha: classe.



































Garrard



A Garrard é a mais nobre das joalherias. Literalmente. É ela a joalheria oficial do Reino da Inglaterra.



















Fundada em 1735 por George Wikes, a Garrard sobreviveu às guerras, revoluções, viu reis e rainhas subirem e descerem do trono. E seus diamantes estavam lá: nas coroas dos soberanos, nas jóias das rainhas ou nos anéis das princesas.

Desde 1843, todos os anéis de noivado dos membros da família Real inglesa são Garrard e também é a Garrard a responsável pela conservação das coroas e jóias reais. Em 2007, o palácio de Buckingham enviou um comunicado onde dizia que a Garrard não seria mais a única joalheria da coroa britânica, mas de lá pra cá, nenhuma outra conseguiu vender nem um brinquinho para os Windsor. Eles continuam comprando e usando Garrard.











Poderosa, a Garrard não investe em publicidade, é discretíssima quando o assunto são seus clientes de sangue azul e também não quer saber de modernidades.

Suas lojas são exclusivas e clássicas. Tudo lá é muito caro, mas a qualidade é indiscutível.

Em qualquer lugar do mundo, a caixinha vermelha da Garrard é reconhecida por quem entende, como sinônimo de elegância, nobreza e poder.