AM Chocolates

31 de ago de 2010

Momento Filosófico / Só

“Há muitos solteiros felizes. Levam uma vida serena e sem conflitos. Quando sentem uma sensação de desamparo, aquele “vazio no estômago” por estarem sozinhos, resolvem a questão sem ajuda. Mantêm-se ocupados, cultivam bons amigos, lêem um bom livro, vão ao cinema. Com um pouco de paciência e treino, driblam a solidão e se dedicam às tarefas que mais gostam. Os solteiros que não estão bem são geralmente os que ainda sonham com um amor romântico. Ainda possuem a idéia de que uma pessoa precisa de outra para se completar. Pensam, como Vinicius de Moraes, que “é impossível ser feliz sozinho”. Isso caducou. Daí, vivem tristes e deprimidos.”


Flávio Gikovate, em entrevista para a Veja.



4 comentários:

Dandan disse...

Não q eu tenha a idéia de que uma pessoa precisa de outra para se completar, mas que eu acredito no amor romântico... ah isso sim!!! :)

Anônimo disse...

DESCULPE KIKA, MAS É BALELA PURA.
TODO SOLITÁRIO QUER COMPANHIA.
O RESTO É CONVERSA DE TERAPEUTA PARA AGRADAR.
FUI

Anônimo disse...

flávio gikovate é um profissional sério, já li vários artigos seus.
mas concordo com o anonimo, neste caso, o texto foi só para consolar quem está só. Já reparou que não existem textos desses para quem tem companhia? rsrsrs

Anônimo disse...

Sem a pretenção de polemizar; existem dois tipos de solidão.
A solidão desejada e a solidão imposta pos circunstâncias. Na primeira a solidão é somente física, a pessoa não tem um companheiro (a)mas prenche este espaço conversando, compartilhando a família e amigos, lendo, indo ao cinema, enfim vivendo a seu modo, como quiser, na hora que quiser, com quem quiser. A solidão imposta é cruel, voce pode estar sozinha ou no meio de uma multidão, se sentir solitário é difícil e ultrapassar esta barreira para solidão como opção de vida é possível. O que importa na vida é sempre ESTAR DE BEM CONSIGO E COM A VIDA. (muitos pares vivem a famosa solidão a dois)